top of page
Buscar

Igreja católica oferece almoço a mais de 500 pessoas em situação de rua em BH

Além da comida, a igreja também oferece serviços de medição de pressão, corte de cabelo, manicure e doação de roupas.


Imagem: Videopress Produtora.


A Igreja católica convidou no sábado (6), moradores de rua para um apetitoso almoço no Santuário de São José, no Centro de Belo Horizonte. A ação faz parte da comemoração da Páscoa Solidária. Além da comida, os convidados ainda puderam checar a saúde e mudar o visual. Durante as atividades, houve um momento de oração que celebrou o período de Páscoa católica.


"Essa ação surge inspirada pelo Papa Francisco. A gente não consegue solucionar o problema de todos, mas podemos oferecer um momento de alegria, de solidariedade, um prato de comida", explica o Padre José Cláudio.

Judite Soares, deixou as ruas recentemente e, grata, sempre frequenta a igreja. Ela foi uma das pessoas que recebeu o almoço.


"Como não estar feliz com um prato desse?", brinca. "Aqui tem arroz, feijão, macarrão, frango...", comentou, agradecida.

Entre as atividades, a comunidade católica ofereceu medição de pressão, corte de cabelo, manicure e doação de roupas. Além disso, a defensoria pública esteve presente auxiliando com os documentos dessas pessoas.


"É um dia muito importante que a gente celebra a Páscoa Solidária. Recebemos centenas de pessoas em situação de rua. Dar esperança a essas pessoas não tem preço, trazê-las para o convívio social", conta João Batista, ministro da eucaristia que participou da ação.

Para a Igreja Católica o período de Páscoa compreende entre o primeiro domingo de Páscoa até o domingo de Pentecostes, que acontece no dia 28 de maio.


Em homenagem ao Dia Mundial dos Pobres, comemorado em novembro, a Igreja São José fará novamente a ação de solidariedade. "É o que o Papa nos pede, mostrar que a Igreja é para todos", celebra Renato Alves, que cozinhou para os convidados.


Com informações de Isabela Abalen/Jornal O Tempo.


Comments


ÚLTIMAS NOTÍCIAS!

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

bottom of page