top of page
Buscar

Mãe espanca filho de 10 anos e chama a polícia para si mesma em Belo Horizonte

Segundo a mãe, o ataque de fúria ocorreu depois que o filho roubou biscoitos do vizinho.


Delegacia de Mulheres, em BH. Foto: Eullym Ferreira / TV Globo


Uma mãe de 30 anos agrediu seu próprio filho de 10 anos e foi levada para a delegacia depois de chamar a polícia. A informação foi publicada pelo site G1.


O ataque ocorreu depois que o menino roubou um pacote de biscoitos de um vizinho no bairro Mantiqueira, na região de Venda Nova, em Belo Horizonte.


De acordo com o boletim de ocorrência, a mulher, que é cuidadora de idoso, relatou que a criança já vinha roubando casas de parentes próximos enquanto ela permanecia no trabalho. Por serem familiares próximos, o problema foi resolvido sem intervenção policial.


Porém, na noite desta quarta-feira (22), ao voltar do trabalho, o vizinho contou à mãe que o garoto havia roubado biscoitos em sua casa. Decepcionada, ela perdeu o controle, pegou um cabo do rodo e bateu no filho. Em seguida a mulher ligou para o 190 e chamou a polícia.


A criança saiu correndo pela rua pedindo socorro e foi acolhido por populares. Ele apresentava vários hematomas pelo corpo e um corte na testa.


A polícia compareceu ao local lavrou um Boletim de Ocorrência e notificou o caso ao Conselho Tutelar. O menino foi levado por uma viatura da polícia até a Unidade de Pronto Atendimento (UPA), de Venda Nova, onde recebeu atendimento e permaneceu em observação.


A mãe foi enviada à Delegacia Especial de Atendimento à Mulher na região centro-sul da capital para prestar depoimento. Ela foi ouvida e em seguida liberada por não cumprir os requisitos legais para a ratificação do estado de flagrante. A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) informou que foi instaurado procedimento para apuração dos fatos.


Em relação ao menino, a PCMG informou que ele passará por escuta especializada nos próximos dias na Delegacia Especializada de Proteção à Criança e ao Adolescente, que dará prosseguimento às investigações.

Commenti


ÚLTIMAS NOTÍCIAS!

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

bottom of page