top of page
Buscar

Médicos de Ibiá paralisam serviços em protesto por salários atrasados



Moradores de Ibiá estão vivenciando mais um triste episódio da saúde pública municipal. Quem procurou atendimento na Santa Casa hoje (13) se deparou com a triste notícia que alguns serviços estavam paralisados.


A paralisação foi feita por médicos e alguns funcionários que prestam serviços para entidade em protesto por salários atrasados. Segundo eles, a entidade deve seis meses de salários sendo, quatro meses da administração anterior e dois meses da atual.


O médico, Dr Walter Múcio Costa, divulgou uma carta onde expressa total indignação com a administração do hospital. Na carta o médico afirma que está paralisando os serviços de internações clínicas médicas, ginecologia, obstetrícia, anestesias, cirurgias e exames de radiografias e ultrassonografia.


“Os pacientes é quem saem penalizados, mais foi a única maneira de protestarmos (nós médicos), pela falta de pagamento dos nossos salários atrasados. Quero pedir desculpas à população de Ibiá, mais somos humanos também e temos as nossas necessidades e os nossos compromissos. Estão dizendo na secretaria de saúde que tiramos férias para justificarem a não marcação de exames, não é verdade isso. Estamos fazendo um protesto pela falta de respeito conosco, profissionais. Estamos indignados com a forma que está sendo conduzida a Santa Casa. Acho ainda que subvenção que foi posta pelo Sr. Prefeito e votada pela Câmara de Vereadores é insuficiente para tocar o serviço de saúde da Santa Casa. Acho também que saúde é serviço essencial, prioritário”, disse na carta, Dr. Walter.


A carta foi publicada na rede social Facebook por um perfil falso, e sua veracidade chegou a ser questionada pelos internautas, mas a equipe do Ibiá em Foco entrou em contato com o médico e ele confirmou a publicação.


“O relato foi feito por mim, que sou uma das pessoas lesadas”, disse o médico.


Diante desse fato triste, mais um envolvendo a Santa Casa, entramos em contato com a entidade que nos informou que, os exames laboratoriais estão sendo realizados normalmente. Já a Secretaria de Saúde nos informou que apenas os exames de ultrassonografias foram suspensos e que todas as unidades de saúde estão funcionando normalmente, inclusive com atendimento de especialidades médicas.


De acordo com informações obtidas pelo Ibiá em Foco, a Prefeitura destina mensalmente à Santa Casa uma subvenção de aproximadamente 230 mil reais, valor que, segundo a Santa Casa, não dá para cobrir todas as despesas.


A Santa Casa possui uma enorme dívida, que somando as responsabilidades fiscais e trabalhistas, beira os sete milhões de reais.


Os serviços médicos de urgências estão sendo mantidos inclusive internações. A Santa Casa não soube nos informar até quando será mantida a paralisação. 

Comments


ÚLTIMAS NOTÍCIAS!

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

bottom of page