top of page
Buscar

Manifestantes protestam contra más condições da rodovia 452, em Uberlândia

Motoristas reclamam das péssimas condições da estrada. Rodovia passa por processo de concessão.


Imagem: Tv Integração


A Polícia Rodoviária Militar registrou na manhã desta terça-feira (16) uma manifestação popular na rodovia BR-452 em Uberlândia. O protesto foi feito por motoristas e moradores de chácaras próximo ao km 13. Manifestantes reivindicam melhores condições da rodovia. As reclamações são constantes devido, principalmente, pelos buracos na pista.


Cones foram colocados na pista e o trânsito fluiu lentamente ocasionando um congestionamento nos dois sentidos. A rodovia liga os municípios de Uberlândia a Araxá, passando por Santa Juliana e acessos a Pedrinópolis e Perdizes. A estrada é também utilizada por motoristas que saem de Uberlândia com destino a Belo Horizonte.


O trecho que liga Uberlândia a Araxá tem pista simples e um tráfego intenso de veículos leves e pesados. Empresas terceirizadas pelo Estado trabalha de maneira esporádica no serviço de tapa-buracos, mas de acordo com os manifestantes, o trabalho é insuficiente.


O secretário Estadual de Infraestrutura e Mobilidade, Fernando Marcato, relatou ser importante a assinatura do contrato de concessão para a melhoria das estradas.


“É fundamental que a gente possa assinar o contrato da concessão de mais de 600 km no Triângulo Mineiro. A BR-452 faz parte desse lote. E é incompreensível que determinados atores continuem insistindo e não viabilizar a licitação”, comentou Marcato.

Ainda segundo Marcato, uma liminar que impedia a licitação já foi caçada, porém, outra foi concedida proibindo a licitação.


"A gente tem a expectativa, nessa semana, caçar a liminar que foi novamente concedida. E aí a gente acredita que o contrato possa ser assinado em algumas semanas. Então logo que ele é assinado, a empresa já entra começando a fazer as melhorias emergenciais. Então o que o Estado precisa é de investimento em infraestrutura. Nós estamos investindo mais de R$ 2 milhões nas estradas e o programa de concessão faz parte desse esforço”, finalizou.

De acordo com o site “Agência Brasil”, o projeto de exploração, conservação, manutenção, melhoramentos e ampliação da infraestrutura, abrange trechos das rodovias BR-452 (96 km), BR-365 (130,1 km), CMG-452 (65,5 km), CMG-462 (93,2 km), LMG-782 (16,4 km), LMG-798 (42,5 km), LMG-812 (7,2 km), MG-190 (71,9) e MG-427 (104,6 km).


O consórcio vencedor será responsável pela duplicação de 36,1 quilômetros de rodovia e implantação de 55 quilômetros de faixas adicionais, além de 353 quilômetros de acostamento, 52 dispositivos de interseção e rotatórias, três travessias de pedestres e 13 quilômetros de pavimentação, entre outras melhorias.

コメント


ÚLTIMAS NOTÍCIAS!

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

bottom of page