top of page
Buscar

Plenário chancela CCJ e aprova ibiaense Afrânio Vilela como novo ministro do STJ

A indicação de Vilela foi feita pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) em setembro.

Imagem: Amagis/Divulgação.

Na noite de quarta-feira (25), o Plenário do Senado aprovou, por 68 votos favoráveis e apenas 1 contrário, o desembargador ibiaense José Afrânio Vilela, do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG), como novo ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ). Vilela será responsável por substituir o ministro Paulo de Tarso Sanseverino, que faleceu em abril.

A indicação de Vilela foi feita pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) em setembro e contou com o apoio do presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD).

Atualmente, Vilela aguarda a nomeação e posse para assumir o cargo, porém, a data para esses eventos ainda não foi definida, mas há uma expectativa que ocorra no próximo dia 22 de novembro.

Quem é José Afrânio Vilela?

Nascido em Ibiá, no Alto Paranaíba, José Afrânio Vilela tem 62 anos e é desembargador do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) e possui graduação em direito pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU). Além disso, Vilela também possui pós-graduação em gestão judiciária pela Universidade de Brasília (UnB).

Vilela foi aprovado no concurso público para a magistratura do TJMG de 1988/1989. Ele atuou como juiz titular e juiz-cooperador em diversas comarcas do estado e ocupou o cargo de 10º juiz de direito de Belo Horizonte.

Ao longo de sua carreira, Vilela desempenhou várias funções, incluindo a de juiz-corregedor de Minas Gerais em 1996, simultaneamente com a Superintendência da Central de Mandados. Enquanto ocupava o cargo de corregedor, ele também foi indicado para diretor do Foro de Belo Horizonte. Em 2004, Vilela foi promovido ao cargo de juiz do extinto Tribunal de Alçada de Minas Gerais, lotado na 3ª Câmara Cível (direito privado). Ele também ocupou o cargo de superintendente de Planejamento e Administração do Tribunal de Alçada do estado até 2005, quando ocorreu a integração ao Tribunal de Justiça.

O desembargador José Arthur Filho, presidente do TJMG, parabenizou Vilela pela vitória e ressaltou o orgulho do Tribunal em ter um mineiro no STJ.


"Vamos aguardar a nomeação e a posse e estaremos sempre ao lado do futuro ministro Afrânio Vilela", disse Arthur Filho.

O vereador de Ibiá, Paulinho Jibóia (PSDB), também parabenizou Vilela pela importante conquista na carreira.


"Parabenizo o amigo Dr Afrânio Vilela pela conquista e pelo sucesso na sabatina e aprovação no Senado da República", comentou Paulinho.

O senador Carlos Viana comemorou a aprovação de Vilela.


"Uma honra ter sido relator da indicação deste mineiro de Ibiá para um dos cargos mais importantes do país. Sucesso e sabedoria!" Disse Viana.

Odelmo Leão, atual prefeito de Uberlândia, também deixou sua mensagem.


"Que Deus abençoe o senhor, dr. José Afrânio, e que Ele possa guiá-lo como sempre fez, e também agora nesta missão no Tribunal da Cidadania", comentou.

Além do magistrado mineiro, o desembargador Teodoro Silva Santos, do Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE), e a advogada Daniela Rodrigues Teixeira também foram aprovados para o cargo de ministro e ministra do STJ.



Comments


ÚLTIMAS NOTÍCIAS!

anuncio marsusi.jpeg

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

bottom of page