top of page
Buscar

Governo de Minas confirma epidemia de dengue no estado

Somente este ano foram mais de 35 mil casos confirmados e 13 óbitos pela doença.


Imagem: Governo de Minas/Divulgação


Governo de Minas confirma epidemia de dengue no estado

Apenas neste ano, já são mais de 35 mil casos confirmados e 13 óbitos pela doença.

O estado de Minas Gerais está vivendo uma epidemia de dengue, confirmou o governo. Apenas neste ano, a Secretaria de Estado da Saúde (SES), já confirmou mais de 35 mil casos e 13 mortes causadas pela doença. Ainda há 105 mil casos prováveis, além de 52 óbitos em investigação.


Já em relação a Chikungunya, são mais de 9 mil casos confirmados e dois óbitos. Segundo a SES, as epidemias por dengue apresentam um padrão quase regular de picos que se repetem a cada 3 ou 5 anos, sendo que o último foi em 2019.


Minas Gerais é, disparado, o Estado com mais casos de dengue e chikungunya no país. Em relação aos óbitos pela dengue, Minas ocupa a terceira posição. Esse “ranking” é liderado por São Paulo, com 47 mortes, seguido de Espírito Santo, com 16.


O secretário de Saúde de Minas Gerais, Fábio Baccheretti, disse em entrevista ao Jornal “O Tempo” no último sábado (25), que o Estado registra desde o início deste ano um aumento "progressivo" das doenças causadas pelo Aedes. "A chikungunya, que era uma doença muito rara em Minas Gerais nas outras epidemias de dengue que tivemos, dessa vez corresponde a 20% dos casos", afirmou. O chefe da SES-MG garantiu ainda que a "linha de tendência" ainda está em aumento, mas é esperado que ela atinja seu pico em abril, quando os casos deverão começar a cair a partir de maio.

Na manhã desta Segunda (27), o Governador Romeu Zema participa de uma reunião na Secretaria de Saúde para apresentação do cenário epidemiológico das doenças transmitidas pelo Aedes Aegypti no Estado.


Dengue em Ibiá


Na última quarta-feira (22) a Vigilância em Saúde de Ibiá, confirmou ao site Ibiá em Foco que o município tem 12 casos de dengue registrados em 2023. Ao todo, foram 97 notificações na cidade, sendo que 80 foram negativadas e 5 pacientes estão aguardando resultados de exames.


Sobre a Dengue


A dengue é uma doença viral transmitida pela picada do mosquito Aedes aegypti. Os sintomas incluem febre alta, dores musculares, dor de cabeça, náusea, vômito e erupções cutâneas. Em casos graves, pode ocorrer a dengue hemorrágica, situação que pode ser fatal.


É importante procurar orientação médica ao surgirem os primeiros sintomas, pois as manifestações iniciais podem ser confundidas com outras doenças, como febre amarela, malária ou leptospirose e não servem para indicar o grau de gravidade da doença.


A prevenção envolve medidas para controlar a população de mosquitos transmissores, como eliminando água parada e usando repelente.


A hidratação oral (com água, soro caseiro, água de coco), ou venosa, dependendo da fase da doença, é a medicação fundamental e está indicada em todos os casos em abundância. Não devem ser usados medicamentos à base de ácido acetil salicílico e anti-inflamatórios, como aspirina e AAS, pois podem aumentar o risco de hemorragias.


Se você acha que pode está com dengue, é importante procurar atendimento médico imediatamente.

Kommentarer


ÚLTIMAS NOTÍCIAS!

anuncio marsusi.jpeg

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

bottom of page